Proporção

julho 19, 2008 às 11:37 am | Publicado em ...fingimos não ver, Relacionamentos | Deixe um comentário

Conheço uma pessoa egocêntrica. Egocêntrico, conforme o dicionário é alguém que “apenas pensa em si mesmo”. A partir de agora, nesse post, o chamarei de E. (de egocêntrico).
E. usa as pessoas como brinquedinhos para se sentir “o cara”. Então, quando alguém não lhe dá atenção, ele usa de seu charme, promessas, dramas, carinhos, chantagens emocionais. Só baixaria mesmo!
Eu era amiga de E. Era, leia bem. Entretanto ainda trocamos algumas palavras educadas por aí. E nos dias de carência de E., ele me liga querendo que eu seja retardada o suficiente pra consolá-lo.
Como eu venho sendo fria com ele há tempos, meses, ele resolveu tentar me comprar conquistar novamente. Emprestou um dvd de um filme motivacional. Aqui começam as complicações, primeiramente porque ele vivia fazendo sermões a respeito de dvd piratas e o dvd, era pirata! Logo, E. é também hipócrita! Que a partir de agora, chamarei de EH. (Egocêntrico Hipócrita).
O filme tratava de um assunto que não se discute: religião. Cada um tem a sua, ou não. Cada um acredita da forma que lhe convém. E o resto não se discute. Não vou contar o filme, nem o seu conteúdo, porque não indicaria a ninguém, porque não gosto desse tipo de filme.
Mas voltando ao assunto, EH. me ligou pedindo o dvd de volta.

– Oi Mizaru! Tudo bem? – com voz melosa.
– Tudo. – seca.
– Assistiu o filme? Gostou? – agora mais curioso, achando que o plano tinha dado certo.
– Assisti mas não gostei.
– Não? – imaginei o queixo dele caindo na mesa, frustrado.
– Não, não gosto desse tipo de filme… “religioso”.
(blablablablablablablabla – pra encurtar um pouco o post)
– E você trouxe meu dvd de volta?
– Puxa, esqueci… mas vou anotar aqui. Trazer um dvd pro EH. e dois pro R. – Lendo em voz alta o que estava anotando.
– Por que dois pro R. ? – voz tristonha, esses apelos sentimentais.
– Pela proporção… porque ele é DUAS vezes mais legal que você.
– Ah. – silêncio.
– Amanhã eu trago, tá? Tchau. – Desligo o telefone.

No dia seguinte eu trouxe os dvds, graças à minha anotação e fui entregar. EH. quase desviou quando eu fui cumprimentá-lo. Era mais um drama? Vingança? Não entendi, juro, juro, juro!

– Só queria saber por que R. merece dois dvds… – murmurando.
– Já te falei, é pela proporção… ele é DUAS vezes mais legal que você. – em voz alta pra quem estivésse perto ouvir.

Ah, ele pediu né? Tem coisas que eu fingo que não vejo, mas deixar de falar… ah, nem pensar!

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: